Publicado em Filmes, Séries e Livros, Veja Mais:

Séries: Junho e Julho de 2016

Terça – 16 de Agosto de 2016

Querido Diário,

“I’m scared that I’m not myself in here… and I’m scared that I am” (Piper Chapman)

Essa é uma frase que ouvi no seriado Orange is The New Black e que me marcou bastante. Eu falo mais sobre ele abaixo. Ultimamente eu resolvi focar nos seriados e tenho assisto pouquíssimos filmes. Nesse post vou falar então sobre os seriados que vi nos últimos 2 meses: The Fosters, Pretty Little Liars, Marvel Agents of Shield, Once Upon a Time, Grey’s Anatomy, The Shannara Chronicles, Orange is The New Black e Stranger Things. Pra saber mais sobre cada um continue lendo.

Eu continuei assistindo vários seriados que tenho acompanhado há algum tempo como The Fosters, Pretty Little Liars, Marvel Agents of Shield (clique aqui pra saber mais sobre eles) e também Once Upon a Time e Grey’s Anatomy. Comecei um novo chamado The Shannara Chronicles e em Junho também saiu a quarta temporada de Orange is The New Black, que também assisti (toda). Em Julho a Netflix continuou lacrando com o seriado Stranger Things.

Once Upon a Time

Esse é pros fãs de contos de fadas. E pros nem tão fãs assim também. O seriado, que vai ter a sua 6a temporada começando em Setembro, reúne personagens de vários contos de fadas diferentes. Eles moram numa cidade chamada Storybrook e não fazem ideia de quem são, pois a Rainha Má lançou uma maldição que transportou todos eles da Floresta Encantada pro mundo real sem nenhuma memória de suas vidas passadas. A esperança de que a maldição seja quebrada está nas mãos de uma mulher chamada Emma Swan, que é na verdade filha da Branca de Neve e do Príncipe Encantado. Ela foi transportada da Floresta pro mundo real antes da maldição ser lançada, o problema é que ela era ainda um bebê quando isso aconteceu, por isso também não faz ideia de quem é. Eu nunca fui muito ligada em contos de fadas e alguns personagens eu nunca nem tinha ouvido falar, mas a história é bem legal e gostei de ver todos aqueles personagens reunidos e conectados de alguma forma.

Grey’s Anatomy

Um drama muito bom sobre os médicos do hospital Seattle Grace, que já está na 12a temporada. O seriado foca na vida de Meredith Grey, tanto dentro quanto fora do hospital. Mostra diversos casos cirúrgicos e o relacionamento entre internos, residentes e chefes (tanto de trabalho quanto amorosos). Tem um toque de comédia, mas normalmente no fim dos episódios eu estou entregue às lágrimas mesmo. Muito bom (diferente desse trailer).

The Shannara Chronicles

Esse é um seriado da MTV e já teve a primeira temporada finalizada nos EUA, mas aqui no Brasil ele só estreou em Junho sendo transmitido no canal SciFi. O seriado é uma adaptação dos livros do autor Terry Brooks (só descobri isso depois), na verdade o que me chamou a atenção foi o fato de que uma das personagens pode ser bissexual. Preciso de pouca coisa pra começar a assistir algo. Mas então, não é um dos melhores seriados que já assisti e achei algumas coisas estranhas e confusas. É uma fantasia com elfos, gnomos, humanos, druidas, trolls, demônios e muita mágica. É engraçado que apesar de se passar no futuro, as pessoas vivem como se estivessem na era medieval. Mas sim, o que acontece é que os demônios começam a ressurgir e eles querem dizimar todas as espécies pra ter o controle de todas as terras. Algumas pessoas são destinadas a impedir que isso aconteça e são colocadas juntas nessa missão. Não é dos melhores, mas é legal e divertido de assistir, achei bem sessão da tarde. Com um toque de A Lagoa Azul.

Orange is The New Black

Um dos meus favoritos e original da Netflix. Se você ainda não viu, veja! Conta a história (que eu descobri só agora que é real) da Piper Chapman. Ela foi presa por carregar uma mala com drogas pra sua namorada há uns 10 anos atrás. E é assim que começa a primeira temporada, mas o seriado já está na quarta. Mostra a vida dela e de outras mulheres na prisão, e também um pouco da vida daqueles que trabalham na prisão e que fazem parte da vida de Piper. É um seriado muito, muito bom não só pelas partes lésbicas porque trata de vários temas como as condições das prisões, a forma como as prisioneiras são tratadas, as relações entre guardas/prisioneiras, prisioneiras/prisioneiras e prisioneiras/familiares. É legal pra você perceber como as coisas acontecem nesse meio e também pra mudar um pouco a sua visão. Um dos melhores seriados que já vi, que ainda consegue tratar de todos esses temas de forma sensível e, ao mesmo tempo, com muita comédia. Vê aí um vídeo que o elenco fez:

Stranger Things

O que dizer desse seriado? É a sensação da internet atualmente e tem 8 episódios muito intensos que giram em torno da busca por um menino desaparecido. O seriado se passa na década de 80, tem uma trilha sonora fantástica e várias referências à coisas da época (que ainda são sucesso hoje). Ele mostra um grupo de amigos – que lembra Os Goonies – de onde o menino desaparecido faz parte. Ao mesmo tempo que ele desaparece, coisas estranhas começam a acontecer na cidade e uma menina misteriosa surge. Achei o seriado fantástico, que é tenso desde os primeiros minutos do primeiro episódio, mas que também consegue ser engraçado.

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s